Publicado por: Paulo Ricardo Nascimento | outubro 23, 2009

Início da experimentação

 

            Entramos na penúltima etapa de trabalho dessa bolsa de pesquisa. A partir de alguns conceitos levantados na fase inicial e posteriormente discutidos com os integrantes do In Bust, vamos iniciar momentos de experimentação com a utilização de bonecos por atores compondo personagens.

            A idéia é que cada ator-colaborador (os atores que participarão serão considerados colaboradores) proponha um personagem para si. Esse personagem pode ser algum que os atores já tenham como projeto ou idéia anterior a pesquisa, ou que surjam por indução em exercícios no processo. Os personagens irão se relacionar com personagens bonecos manipulados por eles mesmos ou pelos personagens dos outros atores, que também manipularão bonecos. O mote para a dramaturgia será a relação entre ator e boneco e o que daí possa surgir (manipulador e manipulado / ator e objeto / relação de dependência, poder, etc). Então, cada ator deverá criar seu(s) personagem(ns) com essa reflexão para propor também a criação do(s) personagem(ns) boneco(s). Depois, quando os personagens estiverem definidos e a base das suas relações estiverem postas, partiremos para uma linha de dramaturgia que una o todo.

            Não poderemos perder de vista alguns dos princípios trabalhados pelo In Bust nas suas atuações, principalmente o princípio de que qualquer pessoa possa assistir a encenação e de que seja bem humorado, pois a experimentação parte da atuação no In Bust. Quando o resultado dessa experimentação estiver visível faremos exercícios de apresentação para o público. Talvez o resultado apresentado para o cumprimento da bolsa não seja ainda um espetáculo, mas seguiremos no rumo da sua elaboração para que fique pronto até janeiro, no máximo.

             Estarão participando como colaboradores 3 dos 4 que participaram da oficina: Michel Amorim, Cleice Maciel e Rodrigo Braga. Talvez convide alguém com experiência em manipulação de bonecos para compor com o Michel, único que já esteve em espetáculo manipulando bonecos. Não irei primar pela técnica da manipulação em si, sim pela técnica de jogo entre os atores e os bonecos. Espero que o resultado da manipulação saia desse jogo.

            Os atores colaboradores precisarão ler o material pesquisado, postado no blog, com especial atenção a partir do ponto intitulado de Re-convenções. Devem ser críticos, criarem dúvidas, levantarem discussões, elaborarem reflexões e compartilhar com todos os colaboradores. Precisam ainda assistir aos espetáculos Fio de Pão – A Lenda da Cobra Norato e Sirênios, gravados em vídeo, para observar criticamente a atuação dos inbusteiros. Posteriormente irão assistir a alguma apresentação do grupo, ao vivo, para observar a relação do In Bust com a platéia.

 

As datas combinadas com os colaboradores foram:

Em outubro

21 – 14h a 16h

23 – 14h a 15:45

26 – 14h a 17h

27 – 14h a 17h

 

Em novembro

9, 11, 13, 16, 18, 20, 23, 25 e 27 – 14h a 18h

 

Sempre no Casarão do Boneco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: